setembro 22, 2006

tão crescida,tão vazia.posso até não conhecer,mas já sei o suficiente q é mascarada. é tds os motivos q me fazem fugir do óbvio,td o que regride os valores de uma mulher pensante.td oq me dá nojo.o exemplo perfeito do ridículo.e já que roubastes degraus pra subir, fique sabendo que pra ti eles vão se quebrar assim que desligar o computador e olhar no espelho; a velha idiota que usa os outros pra aparecer.mas pra mim é simples, hora ou outra as pessoas tropeçam nas próprias pernas.

as pessoas riem da fraqueza,comentam as perdas, perdidas pra vc mesmo.riem da imaturidade recém descoberta.q nao importa idade ou coisa e tal
pronto! vc já o fez.Impressionou a mim, a vc, aos outros pelos números de enganos constantes q vc cometeu.
uma salva de palmas,brindemos a ignorância.

a minha felicidade as vezes incomoda pessoas,e péssima noticia pras mesmas,ela não irá acabar nunca.assim como nd do q é meu interfere na vida de ng,pois eu sou eu aqui. mas no fim da vida, todos teremos o mesmo destino,só q as vezes algumas pessoas tem mais senso, mais razão, mais consciencia de suas atitudes, e a razao?sempre fica do lado das pessoas certas,elas sendo rebeldes ou não.